Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Sketchbook SIX

17
Abr16

Da prevenção para a correcção

IMG_8485.jpg

 

Quando é que devemos passar da prevenção para a

correcção das primeiras rugas?

 

Já falámos sobre a prevenção do envelhecimento da pele, no entanto quando é que devemos passar da prevenção para a correcção das primeiras rugas? Os primeiros sinais de rugas aparecem especialmente quando a pele está mais cansada, a produção de colagéneo começa a ser mais lenta e a pele começa a demorar mais tempo a recuperar. Começam a aparecer as rugas finas e as linhas de expressão que, se não forem tratadas podem ficar cada vez mais marcadas e mais vincadas.

  

A partir dos 30 anos sabemos que os sinais começam a ficar mais evidentes, especialmente à volta dos olhos e dos lábios e é aqui que devemos passar para a correcção e reparação dos danos da pele, no fundo fazer um upgrade do tratamento passando para um creme anti-idade de reparação. Aqui devemos escolher cremes com ingredientes que estimulem precisamente a produção de colagénio como peptídeos ou retinol. A somar a isto tudo, nunca nos devemos esquecer de aplicar protector solar 365 dias por ano.

 

Um dos principais erros que cometemos no que toca aos cremes anti-idade é começarmos a usar um creme anti-rugas muito potente desde muito cedo, ou que não é adequado. E porquê? Porque estes cremes mais potentes são formulados especialmente para combater rugas e flacidez e, na casa dos 20 o que a nossa pele precisa é precisamente a prevenção como a limpeza da pele, a hidratação e a protecção do sol. Os cremes mais potentes são muito concentrados e adequados para as peles mais maduras o que pode até chegar a causar ou desencadear reacções na pele indesejadas. A prevenção é sem dúvida o passo mais importante nos cuidados de rosto, precisamente para manter e preservar a elasticidade da pele e evitar que as rugas e as primeiras linhas apareçam antes do tempo. Mas claro que cada caso é um caso e nem todas as peles estão expostas aos mesmos factores, o importante é prevenirmos e estarmos atentas aos primeiros sinais da nossa pele para que consigamos actuar de forma eficaz, por isso já sabem o trabalho de casa é lerem o que a vossa pele vos está a querer transmitir. 

PUB