Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SIX, blog

02
Mar15

Emagrecer, porque é que é dificil?



Já são quase 5 anos de blog e quem me acompanha desde o início acompanhou uma mudança brutal na minha vida, basicamente a perda dos 25kg que já aqui mencionei várias vezes. É um dos assuntos que mais me pedem para falar e para partilhar convosco, no entanto, antes de emagrecer é preciso um caminho muito complexo que é o que vai determinar se realmente vão ou não conseguir perder peso e chegar ao fim neste loooongo desafio.

Perdi os 25kg porque não era saudável, a minha alimentação e o meu estilo de vida eram os mais desleixados e só comia coisas que não devia. Tinha uma alimentação péssima, mega preguiçosa para mexer o rabo e a força de vontade era zero, afinal de contas era feliz com uma tablete de 300gr de chocolate. (tenho 1.60m e pesava 74kg)

Agora sou feliz com um quadrado de chocolate de preto, com legumes, com pratos vegetarianos e com proteínas vegetais. Não meto de lado o que mais gosto, não elimino o sushi ou a comida italiana, até porque só vivemos uma vez e há imenso prazer no que toca à comida e à alimentação. Antes de decidirmos que queremos emagrecer e cobiçarmos aqueles corpos maravilhosos que vemos nas revistas, no cinema etc, temos um longo caminho. Não vamos certamente ter aquele corpo de uma modelo da Victoria'Secret, vão haver estrias, gorduras localizadas e muito trabalho para fazer e não é a "fechar a boca" que vamos conseguir perder peso.

Na altura que comecei a pensar em emagrecer, percebi que precisava mesmo de mudar, havia sinais que me diziam isso - subir 4 degraus e ficava a cair para o lado, não me mexia para nada, comia chocolates e bebia coca-cola como hoje bebo água. No fundo, se estão a pensar em emagrecer têm de aprender a comer, aprender a mudar a vossa mentalidade e o vosso estilo de vida. Claro que era bom sermos como aquela nossa amiga que come 3 vezes por semana no McDonalds e engorda 5gramas, mas nem sempre é assim e não é saudável. Há que aprender a fazermos escolhas e na altura que visitei um nutricionista aprendi muita coisa, agora que estou no Holmes Place tenho também um acompanhamento de um nutricionista a quem peço alguns conselhos e com quem troco algumas ideias. 

Aprender a comer passa por saber fazer escolhas. Se queremos comer uma pizza por exemplo, porque não pedir uma pizza com mais vegetais e legumes do que outros ingredientes? Ou se quiserem muito comer uma pizza cheia de cogumelos, fiambre e queijo, dividam-na com uma amiga e peçam uma salada, assim comem metade de uma pizza e metade de uma salada por exemplo. Gostam de refrigerantes, escolham um dia por semana para o beber, o menos possivel porque estão cheios de açucares ou saibam quando é que o devem beber - há dias em que precisamos de açucar e o nosso corpo pede por isso, e se querem muito uma Coca-Cola, aproveitem esse momento.

Nas idas ao sushi, optar por mais peças de sashimi do que as peças que contêm muito arroz, os hidratos de carbono em excesso engordam, mas são essenciais à nossa dieta. O fundamental na vossa dieta e no vosso dia-a-dia (seja o dia da asneirada ou não): muita fruta, legumes (sopa sempre que possivel quando não há salada ou vice-versa), exercicio fisico e muita, MUITA água ao longo de todo o dia. 

Mas porque é que é tão dificil emagrecer? Porque temos de mudar um pouco quem somos e diz-se que as pessoas não mudam não é? Pensem antes de tomarem a decisão, o quanto querem isto e o quanto precisam de adoptar um estilo de vida mais saudável. Até podem estar no vosso peso saudável, mas se tiverem uma alimentação pobre, vão ter problemas de saúde mais tarde. O que importa aqui não são os kg que vamos perder na balança, mas sim saber comer e lutar por um estilo de vida mais saudável e vão ver que aquilo que comemos, define quem somos.


6 comentários

Comentar post

PUB

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.