Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sketchbook SIX

09
Set15

ROTEIRO // NYC




Nova Iorque é sem dúvida a cidade de sonho de muitos de nós, toda aquela magia que vemos nos filmes, as fotografias e o que vemos na televisão, tudo isso é verdade, mas antes de marcarem a viagem há que planearmos bem os nossos dias para que não percamos nada. Há coisas a saber sobre Nova Iorque, há imensas coisas para tratar e sobre isso já tinha escrito aqui

>> ORGANIZAR A VIAGEM
Como é que eu organizei então a viagem a Nova Iorque? Pois bem, não era a primeira vez na cidade pelo que saltámos um pouco algumas coisas que já tínhamos visto da primeira vez. Contudo incluímos alguns lugares que não podíamos deixar de voltar a visitar, tais como: Central Park, Empire State Building, Rockefeller Center, Brooklyn Bridge, 9/11 Memorial, Broadway, Times Square. E como hoje em dia já não vivemos sem smartphones, andei a pesquisar algumas aplicações óptimas que me ajudaram a organizar tudo, a mais usada foi a Tripomatic que serve para qualquer lugar. A aplicação permite seleccionarmos os lugares que queremos visitar e ela mesma vai-nos traçando o percurso no mapa para percebermos onde estamos, qual a distância entre os principais pontos de interesse, quais as estações de metro mais perto entre outras coisas como a previsão do tempo,  hotéis, restaurantes, sugestões de pontos de interesse próximos, lojas etc. É uma app gratuita e muito fácil de usar.

Quantos dias são precisos para ver a cidade? Pois bem, para verem tudo com calma, no mínimo 4 dias inteiros para tirarem maior partido da cidade. Normalmente nas minhas viagens culturais saímos sempre de manhã cedo do hotel e só voltamos à noite, é mesmo só para ir dormir umas horas. Gostamos de andar o máximo de tempo a pé e a explorar a cidade. 

Quando organizamos a viagem, dividimos as áreas por dia e no último acabamos por repetir a zona que mais gostámos, principalmente para as últimas compras ou fotografias ou simplesmente por termos gostado daquela zona que foi o que aconteceu com SoHo. 




>> PERCEBER NOVA IORQUE
Em Nova Iorque temos duas maneiras de nos orientarmos, principalmente se vão andar de metro a maior parte das vezes (o melhor transporte para andar na cidade). Em Manhattan as ruas são enormes e maior parte delas são numeradas, pelo que por vezes se queremos encontrar um determinado lugar é normal que nos digam que fica no cruzamento da Broadway com a 57th. É uma das formas de nos orientarmos, a outra é através das zonas, se é Uptown (zona alta da cidade) ou Downtown (baixa da cidade), desta forma conseguimos obter algumas direcções para não nos perdermos naquelas avenidas sem fim. 

Se ajudar, principalmente no metro, ficam a saber que Brooklyn e Staten Island ficam abaixo de Manhattan e Bronx acima. 

Brooklyn Bridge
Brooklyn Bridge, Estátua da Liberdade, 9/11 Memorial, Wall Street.
Começámos o dia por ir de metro até Brooklyn, a ideia era atravessar a ponte de Brooklyn a pé de Brooklyn para Manhattan. Um passeio super giro de se fazer e de onde conseguimos ver o skyline da cidade, ver os arranha-céus de longe e tirar fotografias lindas de morrer. De seguida fomos em direcção ao Financial District, a zona de Wall Street que tem arranha céus fenomenais e ruas bem particulares. Aqui vemos alguns arranha céus de algumas empresas e é uma zona onde existem alguns escritórios. Perto desta zona encontram ainda o memorial do 11 de Setembro, um jardim com duas fontes enormes e um museu em homenagem ao 9/11. Um local a não perder e que não nos deixa indiferentes. 

9/11 Memorial

Ainda perto do Financial District podem apanhar os ferries ou os water taxis para visitarem a Estátua da Liberdade e a Ellis Island, podem e devem reservar os bilhetes com alguma antecedência para evitarem filas (aqui). 

Se preferirem fazer a Brooklyn Bridge depois de almoço, sugiro que almocem numa pizzaria óptima em Brooklyn e depois atravessem até Manhattan - Grimaldi's Pizzaria.

SoHo
SoHo, Chinatown & Little Italy
A ilha de Manhattan tem coisas fascinantes e uma delas é o facto de ter áreas temáticas, há duas pequenas zonas que valem a pena conhecer como Little Italy com comunidades italianas onde há restaurantes óptimos e Chinatown. Para fazerem compras, a zona de eleição é SoHo, onde há várias lojas de designers e diferentes das que estamos habituadas. Aqui encontram lojas como a Dash, Victoria's Secret, Kate Spade, Chanel, Topshop, Urban Outfitters, entre muitas outras. 

Topshop


SoHo foi uma das zonas de que mais gostei, acabámos por voltar no ultimo dia de manhã para fazermos as últimas compras e aproveitarmos para passear nas ruas desta zona de Manhattan que é tão bonita. Aqui podem ver os prédios super bonitos, com as escadas de emergência no exterior que é tão característico de Nova Iorque, as lojas todas arranjadinhas e com montras incríveis. 

Times Square
Times Square & Broadway
Provavelmente a praça mais movimentada e com mais pessoas onde vão estar, aqui somos encadeadas pelos inúmeros e infindáveis monitores e pelos placares luminosos das várias lojas que estão a rechear o Times Square. Encontram ainda a famosa bola luminosa que é tão característica da passagem de ano, as escadas vermelhas, lojas como Toys R Us, Hershey's, Sephora, Hard Rock Café, Mc Donald's, Disney Store, Forever 21 entre muitas outras. Um sítio a visitar principalmente à noite que é fabuloso. A Broadway fica aqui bem perto também e é uma zona onde estão os melhores espectáculos de sempre, fomos ver o Wicked e é um dos musicais que aconselho vivamente. Outros igualmente bons são The Lion King, Phantom of the Opera e Aladin. Os bilhetes para a Broadway não são de todo baratos, mas valem cada cêntimo pelo espectáculo que é - os cenários, as luzes, os actores.. Podem encontrar por baixo das escadas vermelhas no Times Square a TKTS que vendem bilhetes last minute para os espectáculos da Broadway e arranjam bons preços aí. 

Carrie Bradshaw's Apartment, 64 Perry St


Greenwhich Village 
É uma das zonas obrigatórias a visitar, principalmente para as fãs de Sex and The City e da série FRIENDS. É aqui que encontram a fachada do apartamento de Carrie Bradshaw (64 Perry St) e a fachada do prédio que aparece na série dos 6 amigos FRIENDS (101 Bedford St). Inevitável tirar uma fotografia com cada uma das fachadas. Neste dia, preparem-se para pararem na melhor loja de cupcakes de sempre, Magnolia Bakery.

Magnolia Bakery
A escolha aqui foi bem difícil confesso, mas acabámos por provar o red velvet, um clássico americano, e um cupcake com chocolate. Ambos deliciosos, eu sou super fã de cupcakes e estes foram os melhores que já comi. Uma paragem obrigatória - e sim, neste dia não há dieta porque vale a pena cada caloria!

Tiffany's, 5th Av

5th Av, Madison Av, MoMa, Rockefeller Center,  Empire State Building, Central Station

Mais uma zona de compras em Nova Iorque, são estas duas avenidas enormes - 5th Avenue e a Madison Avenua que são das mais conhecidas e aqui há pelo menos uma paragem obrigatória, a loja da Tiffany's da 5th Av. Foi aqui que foi gravado o filme Breakfast at Tiffany's, um clássico do cinema com uma das minhas actrizes favoritas de sempre, Audrey Hepburn. Aqui encontramos também lojas como Abercrombie, Hollister, Forever 21, Topshop, Apple Store (onde comprei o meu MacBook), Rolex, Louis Vuitton entre muitas outras. Uma das avenidas "mais caras" de sempre com as lojas de luxo e outras mais acessíveis.

5th Av

Acabámos por sair no metro perto do MoMa, o museu de arte moderna que deve ser visitado, principalmente se forem amantes das artes. Foi um dos museus que me marcou e que marcou o meu percurso no secundário, após a minha primeira vinda a NYC. Um museu que me deixou encantada com as várias exposições e por ser tão diferente daquilo que tinha visto até então. Outro museu obrigatório para os amantes das artes é o Guggenheim, uma paragem a não perder não só pelas obras todas que contém, mas também por ser uma peça de arquitectura fenomenal que merece ser visto ao vivo.

Radio City Music Hall

Andámos a pé a explorar a 5th Av e a Madison Av e seguimos até ao Rockefeller Center, sendo que no caminho acabámos por esbarrar com o Radio City Music Hall e com o NBC Studios que fica por trás de outro dos pontos mais icónicos de Nova Iorque, Rockefeller Center. Aqui têm ainda um miradouro brutal que vale a pena, o Top Of The Rock de onde vêm uma vista fantástica sobre NYC.

Rockfeller Center
Em frente ao Rockefeller Center podem encontrar um dos muitos armazéns de Nova Iorque, a Saks. Uma espécie de El Corte Inglés dividida por áreas, desde beleza, vestuário, acessórios entre outros. Para além da Saks têm ainda outros muito conhecidos como Macy's e Bloomingdale's onde conseguem bons descontos em algumas peças de designers.

Grand Central Station
Depois de passarmos a zona do Rockefeller Center fomos em direcção ao Empire State Building e pelo caminho passámos numa das estações de comboios mais bonitas que já vi e que costuma aparecer em vários filmes e séries, a Grand Central Station. As fãs de Gossip Girl certamente que se recordam do primeiro episódio de todos, quando a Serena regressa a Manhattan e por isso vão reconhecer este local, obviamente. Tem imensa gente, muito movimento mesmo e é uma estação grandiosa, vale a pena a visita. 


Chrysler Building
Chrysler Building, Empire State Building & Flat Iron Building
São os três edifícios mais icónicos de Nova Iorque. Do Empire State Building dá para vermos o edifício Chrysler bem de perto, uma visita que vale a pena. Já tinha visitado o Empire State Building durante o dia, pelo que desta vez optámos por ir durante a noite para vermos todas as luzes da cidade e termos uma vista de 360º desta cidade maravilhosa. Em apenas um minuto subimos cerca de 80 andares e sentimos os ouvidos a estalar da altitude, é uma sensação incrível e única que vale a pena. Os bilhetes para subir ao 86º andar do Empire State Building custam 32$ e podem fazê-lo tanto durante o dia como à noite. 


Chrysler Building visto do Empire State Building
Quanto ao Flat Iron Building é outra paragem obrigatória, há uma praça super gira com quiosques para tomarmos um café a admirarmos este que é para mim o meu edifício favorito de todos de Manhattan. Foi um dos primeiros arranha-céus construídos em Nova Iorque no século XX e o seu nome é devido ao facto de parecer um ferro de engomar, how cool right?

Flat Iron Building
A sugestão que vos deixo é a de saírem no metro perto do Flat Iron Building e irem a pé até ao Empire State Building, subindo depois até ao 86º andar para admirarem a vista fabulosa da cidade.

Central Park

Central Park & Strawberry fields
É aqui no Central Park que muitas pessoas aproveitam para praticar exercício ao final da tarde, de manhã ou ao fim-de-semana. Um jardim enorme no meio dos arranha-céus de nova iorque, com cerca de 340 hectares, com muitas sombras e cantinhos por descobrir. Aqui dentro há ainda dois lagos, um maior onde podemos andar de barco a remos e outro mais pequeno para alugarmos barcos telecomandados. Gosto muito do Central Park, é um dos parques mais visitados e sem dúvida que um lugar perfeito para vários fins, desde namorar, passear em família ou praticar desporto. 

Strawberry Fields
É aqui também que podemos encontrar o memorial de John Lenon, o circulo feito em calçada com a palavra Imagine fica numa das extremidades do Central Park. Strawberry Fields é sem dúvida um dos pontos de interesse mais procurados para quem visita este parque gigante no meio de Manhattan. 


Podem seguir e ver mais fotografias da minha viagem a Nova Iorque no instagram >> @jufcarreira 

6 comentários

Comentar post

PUB