Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

SIX, blog

Tudo sobre manchas na pele

17.10.18 | Joana Carreira

Sem dúvida alguma que é um dos tópicos que preocupa muitas de nós, as manchas na pele são algo bastante comum e que apesar de termos alguns cuidados para as evitar, nem sempre conseguimos evitar que apareçam. São muitos os factores que podem fazer com que estas manchas apareçam, desde a genética, factores hormonais, medicamentos como a pílula, a exposição solar desprotegida ou sem a protecção adequada ou até mesmo a depilação a cera no caso do buço - que deve ser evitada ao máximo precisamente para evitar esta pigmentação mais escura da pele. 

 

skince-5.jpg

 

 

como prevenir manchas na pele? 

Para prevenir manchas na pele, mais concretamente na zona do rosto, devemos evitar a exposição ao sol sem proteção, daí ser importante o uso de protecção solar o ano inteiro. Para além deste cuidado que deve ser inserido na nossa rotina de cuidados de pele, devemos evitar a depilação a cera em zonas do rosto como o buço por exemplo que é uma zona muito sensível e optar por depilação a linha, incluir loções calmantes, ter atenção a bula de alguns medicamentos que tenham como contra-indicação as manchas na pele. E não, não é brincadeira! As manchas no rosto quando aparecem são bem dificeis de eliminar e por isso todos os cuidados são necessários. 


como tratar manchas na pele? 

Hoje em dia existem muitas formas de tratar as manchas na pele. Apesar de haver vários tipos de manchas na pele: escuras, claras ou avermelhadas, há um tratamento ideal para cada tipo de manchas e que deve ser sempre visto e aconselhado por um dermatologista. Uma coisa é certa, durante qualquer um que seja o tratamento deste tipo de manchas o protector solar tem de estar sempre presente. 

Algumas das melhores soluções para manchas na pele passam por cremes clareadores constituidos por substâncias que despigmentam a pele entre as mais comuns a hidroquinona, o arbutin, o ácido azelaico, o ácido retinoico e o ácido glicólico. A associação dos clareadores com alguns tipos de ácidos geralmente aumenta a eficácia do clareamento, dependendendo sempre do tipo de mancha que é da sua profundidade. Também os peelings superficiais podem ser um bom aliado apra acelarar o processo, facilitando a penetração dos despigmentantes e ajudando a remover o pigmento das camadas superiores da pele. Em casos mais dificeis e profundos, o tratamento a laser pode ser a única solução.